74.5 F
New York
Tuesday, July 23, 2024

Ataque em um hospital em Gaza causa pelo menos 500 mortos, de acordo com as autoridades da Faixa de Gaza

Massacre provoca protestos na Cisjordânia, Turquia, Líbano e Jordânia, enquanto o exército israelense afirma que foi devido a um foguete lançado pela Jihad Islâmica

- Advertisement -spot_imgspot_img

Um hospital em Gaza foi palco nesta terça-feira de uma daquelas tragédias que mudam o curso de uma guerra. Pelo menos 500 palestinos morreram, segundo as autoridades da Faixa, em um bombardeio israelense de Al Ahli al Arabi, um hospital no coração da capital que estava repleto de pacientes e pessoas que se refugiavam de ataques aéreos. O exército israelense, por sua vez, replica que a explosão foi fruto de um «lançamento falhado» de foguetes pela Jihad Islâmica. Se a autoria israelense for confirmada, a tragédia do hospital de Gaza seria um dos maiores massacres já causados por um bombardeio de seu exército. O massacre

- Advertisement -spot_imgspot_img

Latest news

- Advertisement -spot_img

Related news

- Advertisement -spot_img

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here